Carne de Caça Bacalhau Riberalves Porco Preto

Os nossos produtos:

Produto em destaque:

Produtos

Carne de Caça

Javali
Javali
Primo selvagem do porco, encontra-se em quase todo o mundo. Com elevado valor energético, a sua carne - mais escura do que a do porco - é tenra e possui um sabor delicado. Presta-se a um excelente assado.
Veado
Veado
Animal de caça por excelência, existe na Europa só no estado selvagem. Carne com um gosto requintado e fina consistência. O seu gosto é bastante incaracterístico e muito próximo do da carne de vaca. A carne de veado deverá servir-se ligeiramente mal passada, de contrário fica demasiado seca.
Perdiz
Perdiz
Existem várias espécies, duas das quais são as mais importantes: a vermelha, muito vulgar em todo a País, e a cinzenta. A sua carne, das mais delicadas, não deve ser sujeita a maturação. Altamente recomendada por ser fácil de digerir. Durante a cozedura. Aconselha-se a cobrir o peito da perdiz com uma folha de parra e uma fatia fina de lourinho, para manutenção do seu óptimo gosto.
Faisão
Faisão
Ave de rara beleza, rica em colorido e de uma majestade impressionante. Muito apreciada por inúmeros gastrónomos. A melhor maneira de preparar o faisão é assá-lo no espeto ou no forno, sendo necessário regá-lo muitas vezes dado a sua carne ser bastante seca. Pode ser servida recheada com trufas ou «foie-gras» ou guisada. As coxas podem ser salteadas ou douradas no forno.
Pombo Bravo
Pombo Bravo
Espécie arborícola, a sua carne tem grande valor energético, prestando-se muito bem à fritura que a torna suculenta. As aves mais velhas deverão ser grelhadas no churrasco. A sua delicada carne encarnada é igualmente muito boa para guisados.
Pato Bravo
Pato Bravo
A carne do pato bravo é muito fina e saborosa. A grande diferença entre ele e o pato doméstico é a virtual ausência de gordura no primeiro. Grelhado no espeto, frito (com azeitonas, ervilhas ou nabos) ou em guisado, acompanha muito bem com laranjas para disfarçar o seu gosto selvagem, ligeiramente amargo. Pode igualmente servir-se com muitos frutos: pêssegos, cerejas, peras e ananás.
Coelho Bravo
Coelho Bravo
Com um ligeiro sabor a caça, a sua carne é suculenta e presta-se maravilhosamente para confecção de recheios, «terrines» e «patés». O seu paladar, se bem que próximo do coelho doméstico, é mais acentuado. De confecção fácil, podem aplicar-se inúmeras receitas de frango e coelho doméstico na sua preparação.
Lebre
Lebre
Roedor selvagem, muito semelhante ao coelho, cuja carne avermelhada e negra, tem um paladar muito acentuado a caça. A sua carne escura é mais saborosa que a carne leve dos coelhos A lebre deve ser consumida quando atinge o seu crescimento máximo, isto é, com cerca de seis meses de idade. A lebre é muito saborosa quando modificada. Pode ser consumida assada, mas geralmente aparece em forma de «páté» ou «civet».
Galinhola
Galinhola
Esta ave, muito conhecida em Portugal, é bastante apreciada pelo seu valor gastronómico. É uma ave de passagem vulgar no nosso pais desde Outubro até Fevereiro. De pequenas dimensões, a galinhola pode ser servida assada, em «salmis», em «páté», etc.

 

© 2005 Coviserra - Serviços Internet: Dom Digital, Lda. - Sugestões: webmaster@domdigital.pt